25/04/2017

Confira 7 dicas para um bom hotel

É sempre muito bom ter a oportunidade de viajar e de conhecer novos lugares! Todos os viajantes gostam de curtir os passeios e desfrutar dos dias de folga, mas a maioria se esquece de que é necessário todo um planejamento prévio, para que tudo corra bem! Sempre tem alguém da família que fica responsável por pensar nos roteiros, na locomoção, na alimentação e em vários outros aspectos da viagem! Se a sua praia não é muito organização e quer aprender ou se você gosta deste processo e quer saber um pouco mais, o post de hoje é dedicado para ajudar na escolha da hospedagem! Afinal, quem quer dores de cabeça em pleno dia de folga? Por isso, preparamos sete dicas para você escolher um hotel e ter a tranquilidade merecida na próxima viagem! Vem saber!
1 - Defina objetivos
Antes de qualquer coisa é necessário deixar bem claro qual é o objetivo dessa viagem e quanto tempo pretende ficar hospedado. Caso vá ficar poucos dias ou apenas um final de semana e a sua ideia é conhecer o máximo de locais possíveis neste período, às vezes não compensa reservar um hotel com várias opções de lazer, já que não haverá tempo para desfrutá-las. Neste caso, opte por algo mais simples e que tenha o básico: uma boa cama, um banheiro e um belo café da manhã! Se você for ficar mais dias e quer curtir todas as dependências do hotel, aí sim é interessante pesquisar aqueles com amplo espaço para a realização de atividades. Eu disse acima que é muito chato ter vários problemas durante os dias de folga, mas esse comentário também se estende para as pessoas que viajam a trabalho! Por isso, se a sua viagem for com o fim de fechar negócios, existem vários hotéis que são voltados para o público business.

imagem.jpeg
2 - Procure a melhor localização
É muito comum que as pessoas façam uma reserva no hotel e só depois pesquisem os locais que pretendem visitar. Mas, caso já tenha uma noção do roteiro que vai fazer, o interessante é fazer a reserva em um espaço que esteja bem localizado e próximo de pontos turísticos, bares e restaurantes. Lembre-se: quanto mais longe estiver, mais gastos aparecerão: gasolina, estacionamento, táxi, uber, metrô ou ônibus. Caso você realmente queira ficar longe desses espaços e pretende mesmo aproveitar a estrutura do hotel, aí sim vale à pena ficar um pouquinho mais afastado. Mais uma vez: tudo vai depender do seu objetivo!


localização.jpg
4 - Pesquise na internet
Com certeza, você já sabe que existem muitos sites na internet que possibilitam que os consumidores de todos os tipos de serviços deixem suas opiniões a respeito do que consumiram e de espaços que conheceram. Com hotéis não é diferente! Essas informações são confiáveis, porque o viajante expressa ali tudo o que encontrou na hospedagem: do bom ao ruim. Então, dê uma lida nesses comentários e procure hotéis que tenham boas avaliações do público! Esse tipo de ferramenta ajuda muito! É uma mão na roda!


pesquisa.jpg

5 - Viagem com crianças
Se já é péssimo passar por momentos desagradáveis quando você está entre adultos, com crianças pode ser pior ainda! Afinal, sempre queremos proporcionar aos pequenos as melhores experiências possíveis! Por isso, se você vai viajar com crianças procure por hotéis que tenham espaços bacanas de lazer, atividades recreativas e acomodações confortáveis. Alguns espaços oferecem, ainda, uma copa para que pais e familiares possam aquecer um leite no meio da noite ou até mesmo para preparar uma comida. Antes de fazer sua reserva cheque todas essas informações!


viagem com criança.jpg
6 - Pet Friendly
Hoje em dia é muito comum que as pessoas queiram levar para a viagem o animalzinho de estimação. Algumas porque não têm onde deixá-los e outras porque entendem que eles fazem parte da família e precisam desfrutar do passeio. Se uma das duas opções for o seu caso, procure um hotel que tenha o sistema Pet Friendly. O que isso significa? Quer dizer que no espaço o seu bichinho é bem vindo! Cada vez mais os hotéis têm aderido a essa novidade! Mas, é claro, existem regras que serão repassadas no momento da reserva! Em alguns estabelecimentos, o animal vai ficar no quarto junto com você e, em outros, existem canis para abrigar esses visitantes ilustres. O interessante é que o espaço seja o mais próximo possível do que ele vive em casa já que, muitas vezes, seu animalzinho pode estranhar a mudança.


Pet Friendly.jpg


7 - Relação Custo X Benefício
Depois de observar tudo isso, vamos para o nosso último tópico: relação custo X benefício! Por impulso, muitas vezes, caímos na besteira de procurar o que é mais barato e esquecemos da qualidade. Infelizmente, esse ainda é um pensamento recorrente. O que precisamos aprender é que não adianta achar que é vantagem pagar um valor muito baixo e, no final das contas, ter um atendimento que deixa a desejar, acomodações ruins, localização que vai atrapalhar os objetivos da sua viagem, entre muitos outros pontos. Vale muito mais à pena pagar um pouquinho a mais por um espaço que você e sua família terão mais conforto. É possível, ainda, se você se planejar e fizer reservas com certa antecedência, conseguir descontos bem bacanas! Tome sempre cuidado para o barato não sair caro!


custo benefício.jpg
Com essas dicas, tenho certeza que você vai conseguir escolher um hotel de qualidade! Tem mais alguma sugestão para acrescentar? Conte nos comentários!

2 comentários:

  1. Eu amo muito estar viajando, e com certeza essas foram ótimas dicas, parabens pelo blog, bjss!

    http://worldoffashionbea.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lindona, viajar é maravilhoso... conhecer diferentes lugares é fantástico.

      Que bom que gostou das dicas do nosso colaborador, perfeitas não é???

      Beijinhos flor, ótima semana pra ti.

      Excluir