Renda Extra

21/12/2017

Como fazer unhas francesinhas perfeitas

Fazer a unha sozinha para algumas não é tarefa fácil, mesmo que sejam modelos mais simples, como por exemplo, as francesinhas

Esse tipo de unhas decoradas é um clássico aderido por muitas mulheres, o problema está em sua delicadeza que necessita de alguns cuidados para que fiquem perfeitas. 

Nesse artigo ensinamos algumas dicas, para você conseguir fazer o traço e ter um resultado maravilhoso.

Lixar as unhas

É preciso lixar as unhas no formato certo para ter um traço mais preciso, que no caso seria um formato mais quadrado. 

Se você prefere o formato arredondado sem problemas, ele vai dificultar o processo, mas fica bonito do mesmo jeito.

Comprimento

As unhas devem estar em um comprimento mais longo, para evidenciar o traço na ponta dos dedos. 

A espessura do traço varia de gosto, pode ser fina ou grossa.

Base

Aplicar a base antes do esmalte evita que as unhas fiquem manchadas e as deixa mais uniforme. 

Se você tiver problemas com unhas fracas e quebradiças, opte por base fortalecedora.

Esmalte

Deixe o esmalte secar antes de fazer a francesinha, é melhor esperar o esmalte clarinho secar para poder fazer o traço. Assim você não corre o risco de estragar o trabalho que já fez.

Se o esmalte escolhido for translúcido, você pode fazer a francesinha primeiro por cima da base e depois aplicar o clarinho, quando a francesinha secar.

Como fazer o traço

Para as que fazem a unha sozinha, é possível usar durex para fazer a francesinha.  
Confira esse modo de fazer no seguinte passo a passo:

  • Aplique a base nas unhas antes de esmaltar.
  • Depois que a base secar, coloque um pedaço de durex na parte de baixo da unhas (que vai ser usado o esmalte claro).
  • Pegue o esmalte branco e pinte a ponta das unhas, ela já vai estar marcada.
  • Espere secar e então remova a fita durex.
  • Em seguida aplique o esmalte clarinho que escolheu.
  • Para finalizar, você pode usar o extra brilho para dar maior durabilidade e intensificar a decoração.
Esse é um texto colaborativo feito por Thais B. do blog Esmaltecos – unhas, cuidados e esmaltes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário