Renda Extra

17/09/2021

Quem fez cirurgia de hérnia pode fazer abdominal?

 


A hérnia abdominal é um problema caracterizado por uma protuberância de algum órgão da barriga para fora do corpo. O problema pode surgir em qualquer lugar da região, sendo que as mais frequentes costumam surgir na virilha e umbigo. Os principais tipos de hérnia na barriga são classificados entre:

  • Hérnia inguinal: uma das mais comuns, ocorre na virilha e na maioria dos casos em homens;
  • Hérnia umbilical: ocorre na região da cicatriz umbilical;
  • Hérnia incisional: acomete pessoas que já fizeram algum tipo de cirurgia, e pode surgir a partir desta incisão cirúrgica;
  • Hérnia epigástrica: surge na linha média do abdômen, na região acima do umbigo.

Geralmente, a hérnia abdominal não causa nenhum sintoma, contudo quando eles são destacados podem provocar dor, inchaço e vermelhidão na região onde está localizada a alteração.

Para o seu tratamento, o mais indicado é que seja feita uma cirurgia para recolocar aquela parte do órgão em seu local de origem, fechando os músculos abdominais por onde o órgão extravasou. O procedimento, que pode durar cerca de 1 hora, é bem simples e não necessita de anestesia geral.

Recuperação: quais os principais cuidados após a cirurgia de hérnia?

O pós-operatório da cirurgia de hérnia abdominal é bem rápido, embora possa variar de acordo com a complexidade dos procedimentos. O paciente geralmente não demora mais de duas a três semanas para retornar às suas atividades cotidianas.

No geral, os principais cuidados que precisam ser tomados e adotados pelos pacientes são:

  • Uso de medicamentos analgésicos ou anti-inflamatórios, de acordo com o recomendado e prescrito pelo médico;
  • Repouso na primeira semana após a cirurgia;
  • Não carregar peso;
  • Ingerir alimentos ricos em fibras, para evitar que fique com prisão de ventre;
  • Beber bastante água;
  • Higienizar o curativo com bastante cuidado;
  • Evitar roupas apertadas ou que causem algum tipo de atrito com a região operada.

Como é a rotina de exercícios físicos
após cirurgia de hérnia?

É recomendado que, após a realização da cirurgia de hérnia abdominal, o paciente não realize atividades físicas intensas — principalmente exercícios abdominais e que alonguem ou puxem os músculos abdominais. Este cuidado é necessário por, pelo menos, as duas primeiras semanas após a intervenção.

Os médicos ainda informam que atividades consideradas intensas relacionadas ao trabalho do paciente devem evitadas pelo mesmo período de 2 semanas. Em ambos os casos, o retorno do paciente às atividades deve sempre feito após a autorização médica.

Recomenda-se também que o paciente não tenha relações sexuais nas duas ou três primeiras semanas. O ideal é continuar movimentando o corpo para evitar trombose, mantendo treinos leves de resistência, e voltando à rotina normal após quatro semanas. Contudo, o principal é sempre contar com a ajuda do médico para que ele possa passar as orientações mais adequadas, de modo a evitar complicações e recidivas.

O pós-cirúrgico da hérnia abdominal demanda cuidados especiais e planejados especialmente para cada caso, afinal o corpo precisa estar ativo na medida certa e mais adequada para que o paciente obtenha uma recuperação tranquila e segura.





Nenhum comentário:

Postar um comentário